Não usar acento e cedilha
 
 

UMA PÁGINA PESSOAL

 

. Uma vida de músico
. Ler e escrever
.
Cacilda Borges Barbosa




LER E ESCREVER: POESIA


SOBRE GENTE

 

Vem viajar

De tão calmo, verde e claro
o mar quase não balança.
Com seus olhos de criança,
o dia está num tempo raro.

Vem, apóia em mim, e desce.
O barco é velho como as lendas.
O vento tecendo rendas
entre as velas; e amanhece.

Bom tempo pr'a navegar -
o sol de inverno nos guia.
Vai ser gostoso esse dia
sem ter hora de voltar.

O nosso amor nos aninha,
as amarras já estão soltas.
As ondas antes revoltas
estão em paz; você é minha.

 
 

 

 
<< anterior
 

<<voltar para listagem